terça-feira, 13 de janeiro de 2009

Desaparecidos mas não esquecidos...

Novembro - 17 meses


Em Novembro o nosso Martim esteve doente, depois de 2 dias de febres altas (sempre nos 39 e tal) e sem ceder ao benuron nem brufen, acompanhada por uma diarreia mázinha (de 8 a 10x ao dia), depois de 2 dias em contacto quase permanente com a pediatra, fomos aconselhados a ir para o hospital uma vez que a pediatra achava que não podia ser uma simples gastroentrite mas já desconfiava de uma salmonela ou rotavirus... e lá fomos para o hospital pela 1ª vez em 16 meses de vida do nosso bebé... depois de 3 horas, de análises ao sangue e rx, a médica de serviço disse que ele ia ter de ficar internado, a febre era demasiada para um bebé, a diarreia tb e que seria melhor tentar perceber o que realmente se passava e que o Martim ficaria a soro. Foi muito dificil receber esta "noticia", mas se as coisas não estavam bem o melhor sitio para ele estar era o hospital com meios e pessoas para o curar... Ao fim de 2 dias soube que além de tudo o Martim tb tinha o inicio de uma broncopneumonia, uma amigdalite e otite nos 2 ouvidos... pois é que mais faltaria?! sem comer nada, apenas aceitava Ice Tea... Foram 8 longos dias de estada no hospital, sem dormir, sem descansar, o cateter que teve de usar com tala para estar a soro e para administrarem o antibiótico dificultou muito as coisas, quem é que gosta de ficar com uma mão e braço presos?! e tb dificultava bastante o dormir...

Já em casa pensámos que o pior já tinha passado, mas enganámo-nos, depois de ter tido alta médica, receitaram o antibiotico em xarope, e quando o começamos a dar em casa ele começou novamente a vomitar, com diarreia (na 1ª noite fez umas 5x) e sem qualquer apetite... Sem comer nem beber e a vomitar teria de voltar a ficar a soro, fizemos tudo para que isso não acontecesse, teve uma semana praticamente sem comer, bebia uns 120ml de ice tea por dia, 1 iogurte por dia, leite nem vê-lo... foi muito complicado vê-lo assim, principalmente muito parado e apático (mesmo no hospital, com febre altissima esteve sempre cheio de energia e bem disposto), emagreceu muito, via-se a costelinhas todas :( mas ao fim de uma semana começou a recuperar o apetite aos poucos, começou a aceitar o leitinho e devagarinho tudo melhorou até que começou a devorar a comida, como quem passou fome e depois tinha de recuperar ;)

Foi muito angustiante este "episódio" na nossa vida de pais, ver o nosso filho a sofrer, ter de ser picado várias vezes para tirar sangue para análise (nunca conseguiram à 1ª)... sem comer... triste... esperemos não ter de passar por isto outra vez, nem nós nem ele...
Foram os piores 15 dias da nossa vida e com certeza da vida do Martim... mas já passou...




Dezembro - 18 meses

No ínicio de Dezembro o nosso bebé voltou à escola, mas ao fim de uma semana começou novamente com febre, uma febre incerta, outra vez com ranhoca... Fomos à Pediatra e depois de o observar disse que tinha uma otite... Quanto ao peso em 6 meses aumentou 120gr, em 3 meses (dos 15 para os 18) aumentou 10gr, passou do percentil 50 para o 5... mas a Pediatra tranquilizou-nos que este facto apenas se devia ao ter estado doente uma vez que a nível de crescimento estava óptimo, cresceu 3cm... Ficou novamente em casa a tomar antibiótico por 10 dias... teve um género de férias de Natal com o Papá e a Mamã...

De resto está óptimo, a desenvolver muito bem, fala imenso, compreende tudo, e está com uma personalidade muito "forte"... não pode ser contrariado e quando é grita e faz cá umas birras... Já leva umas palmadas no rabinho (fralda) e fica muito sentido... faz um beicinho tão amoroso! ;) Ah e já me esquecia está LINDO!!!

Adorou, vibrou, passou-se com o Natal... recebeu imensas prendas... mas o que mais gosta são os popós telecomandados, até sonha com eles... tb adorou o cavalinho da chicco (dado pelos avós) e já consegue galopar sózinho e fica muito engraçado...


Acho que começaram os pesadelos, de noite acorda várias vezes e com um choro aflitivo, espero que passe depressa... continua a dormir metade da noite na cama dele e o restante com os papás...

Bem depois continuo este post... já está a ficar enorme... é o que faz estar quase 3 meses sem escrever...

Até já...

10 comentários:

Mar disse...

Olá, pois é têm andado desaparecidos.
Devem ter passado uns dias complicados. Mas ainda bem que tudo já passou e o Martim está bem. A Leonor também adorou uma semana com catéter e não gosto nada...e só tinha 6 meses, com 16 ou 17 é bem mais complicado.

Não desapareçam.

Bjinhos

sofia disse...

Está lindo o teu bebe!
Bjs

Mãe da Tiz disse...

Que saudades vossas!!! Devem ter sido dias muito complicados... Imagino o vosso sofrimento. Felizmente que já está tudo bem! Ele está mesmo lindo!!! Um borracho!
Continua a dar notícias!

beijos***

Sofia e Beatriz disse...

Ainda bem, que o pior já passou!
O Martim está muito giro:)
Beijocas

Armanda disse...

Estranhei o vosso desaparecimento e calculei que algo de mau poderia estar a acontecer.... e não me enganei...
Ainda bem que tudo ja passou, o meu Martim também ja esteve internado quando fez um ano para ser operado e sei bem o quanto custa ver o nosso filhote a sofrer, a não comer, a ser picado, enfim.... doi o coração e a alma.... felizmente que tudo é passado!
Espero que tudo corra bem com o vosso Martim pois ele é um menino LINDO!
Beijinhos e um bom ano para vocês.

Kátia e Fábio disse...

Não deve ter sido fácil, imagino dias muito compridos e complicados com o coração nas mãos, desejo do fundo do coração que nada se volte a repetir, que tenha sido um caso isolado!
Fora isso, o Martim tá cá um borracho!!
beijos

Mariana disse...

Sem dúvida! Que 15 dias do Inferno! Mas ainda bem que já passou!

Aproveito para vos desejar um óptimo 2009 com tudo tudo tudo de bom!

Beijinhos
Mariana
http://www.coisasdemae.eu

Sónia e MI disse...

Está lindo este menino,LINDO!

Anabela disse...

Bolas nem imagino o que passaste.
Mas felizmente já lá vai.
Está lindo o teu menino, tínhamos saudades vossas.

Bjs

Fernanda disse...

Ao ler este texto estava deveras impressionada e angustiada.
o Martim tão pequenino e já sabe o que é o sofrimento... acredito que tenham passado um mau bocado, mas felizmente que agora tudo voltou ao normal.
Eu como mãe e avó de dois lindos netinhos, sei muito bem como custa ver os nossos amorzinhos doentes.
Desejo um ano de 2009 com saúde e muito AMOR.
Um xi-coração para o Martim.

Bjs